sábado, maio 21, 2005

Escrava da vida

http://photos1.blogger.com/blogger/6371/1252/320/VirgiliuNarcis.jpg

Vida porque me fazes tua escrava!
Deste viver, sem dó nem piedade
Porque me tornas tua presa
Nestas garras que não me largam

Que esperas de mim?
Que me entregue de corpo e alma!
Nesta vida sem esperança
Neste corpo que faz parte de mim

Vida porque me abandonaste na alvorada
Quando por ti chamei e apenas me enganei
Quando por ti esperei e nada encontrei

Vida não me tornes vulnerável
Aos olhos do mundo
Transforma-me simplesmente ...

domingo, maio 08, 2005

Asas D'aquele Anjo

Foto: Autor Desconhecido

As asas d'aquele anjo
São de mel ou de amargura
São de papel ou de ternura

São as asas da brancura
São belas como o mar
São infinitas como o ar

São as asas da paixão
Daquele AMOR que nunca irá acabar